O Pagode da 27 foi fundado no dia 26 de Agosto de 2005 no bairro do Grajaú-SP sem grandes pretensões, a partir de um grupo de amigos formado por amantes do samba autêntico, com objetivo de preservar as raízes do samba, revelar novos talentos, abrindo espaço para novos músicos, cantores e compositores.

Enxergamos oportunidade de contribuir socialmente com a comunidade do nosso bairro tão descriminado e carente, dentro deste espírito de amor ao samba, cidadania e solidariedade nasceu o Projeto Sócio-cultural Pagode da 27, as cores oficiais são vermelho e branco. 

A rua "27" como é chamada até hoje, na década de 90 foi um dos locais mais violentos da zona sul de SP. Atualmente este local é um reduto de plena paz , respeito e comunhão entre crianças e adultos.

Hoje o Pagode da 27 conta com 10 músicos, cerca de 20 compositores, e uma imensa comunidade que o ama. O Samba acontece aos domingos durante todo ano, faça chuva ou sol, de baixo de uma lona no meio da rua, onde momentos fantásticos são vividos.